Vulnerabilidades em sistemas industriais colocam operações críticas em risco

Um estudo detalhado da fabricante TREND MICRO aponta que, desde o segundo semestre de 2017, houve um crescimento de 30% em vulnerabilidades em sistemas SCADA, que controlam e supervisionam grandes operações, tais como sistemas críticos em usinas, bancos, hospitais, serviços em nuvem e on-line.

Frentes de pesquisas acadêmicas abordam esse tema com grande frequência nas publicações dos grandes jornais científicos, dada a criticidade desses sistemas que, uma vez afetados, podem provocar um apagão de energia elétrica em um país, por exemplo.

Lembramos do vírus STUXNET que afetou usinas de energia e enriquecimento de urânio, cuja origem ainda é desconhecida, que aproveitou-se de vulnerabilidades do sistema operacional e disseminou-se em sistemas industriais provocando prejuízos de grande monta aos seus alvos.

Referências:

https://www.itforum365.com.br/seguranca/crescem-vulnerabilidades-em-sistemas-scada/ em 08/10/2018

https://www.trendmicro.com/vinfo/us/security/news/vulnerabilities-and-exploits/the-state-of-scada-hmi-vulnerabilities em 08/10/2018

https://documents.trendmicro.com/assets/wp/wp-hacker-machine-interface.pdf em 08/10/2018

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.